Quais são as principais dicas para delimitar espaços quando se tem cozinha e sala integrada

15 de março de 2023
382
Views

Para que a integração dos ambientes não comprometa o conforto e a funcionalidade da casa, é importante que a delimitação dos espaços seja feita de forma estratégica e funcional. Com isso em mente, neste texto vamos apresentar as principais dicas para delimitar espaços em cozinhas integradas com salas, garantindo assim um ambiente agradável e funcional para toda a família.

Cozinhas e salas integradas são uma tendência popular em muitas casas modernas, proporcionando um espaço aberto, funcional e aconchegante. Essa configuração é ideal para quem gosta de cozinhar e receber amigos e familiares, pois permite que os hóspedes preparem refeições e interajam com os convidados simultaneamente. 

No entanto, delimitar espaços pode ser um desafio em cozinhas e salas integradas, pois os dois ambientes precisam funcionar bem juntos, ao mesmo tempo em que vivem uma sensação de separação.

Para ajudá-lo a delimitar espaços em sua cozinha e sala integrada, preparamos algumas dicas para ajudá-lo a criar um espaço aberto e organizado, sem comprometer o conforto e a funcionalidade.

Definir a área de estar

O primeiro passo para delimitar espaços em uma cozinha e sala integrada é definir a área de estar. A área de estar é geralmente a parte da sala onde as pessoas se sentam e relaxam. Em muitos casos, a área de estar é composta por um sofá, poltronas e uma mesa de centro.

Ao definir a área de estar, é importante levar em consideração o tamanho da sala e o número de pessoas que ela precisa acomodar. Se uma sala for pequena, pode ser necessário optar por um sofá menor e uma poltrona ou duas, em vez de um sofá grande com várias poltronas. Uma mesa de centro pode ser substituída por um pequeno banquinho ou uma mesa lateral para economizar espaço.

Mesa de canto aramada - Cozinha Integrada

Uma vez que a área de estar tenha sido definida, é importante garantir que ela esteja posicionada longe da cozinha, de preferência em uma extremidade da sala. Isso ajuda a criar uma sensação de separação entre a cozinha e a área de estar, permitindo que cada espaço tenha sua própria identidade.

Outra dica importante para definir a área de estar em uma cozinha e sala integrada é usar tapetes e iluminação. Um tapete pode ser colocado sob o sofá e as poltronas para definir visualmente a área de estar, e a iluminação pode ser usada para criar uma atmosfera acolhedora e aconchegante. Luminárias de piso e abajures podem ser usadas para criar um ambiente íntimo, enquanto luzes de teto podem ser usadas para iluminar a cozinha.

Separar a cozinha

Embora cozinhas e salas integradas possam ser muito funcionais, é importante manter uma sensação de separação entre as duas áreas. Isso ajuda a evitar que o espaço fique confuso e lotado. A separação pode ser alcançada de várias maneiras, dependendo do layout da sua casa e do seu estilo pessoal.

Fruteira aramada 3 cestos com tampo de madeira e rodas - Cozinha Integrada

Uma das maneiras mais comuns de separar a cozinha de uma sala integrada é com um balcão ou ilha. Uma ilha pode ser usada para dividir visualmente a cozinha da área de estar, criando uma sensação de separação entre os dois espaços.

Use elementos decorativos para separar os ambientes

Uma das maneiras mais eficazes de delimitar os espaços de uma cozinha integrada com a sala é através da decoração. Você pode utilizar diferentes elementos decorativos para criar uma divisão sutil entre os ambientes, como por exemplo: tapetes, cortinas, plantas, painéis, biombos, etc.

Os tapetes são uma excelente opção para delimitar o espaço da sala de jantar ou de estar. Opte por modelos com cores e estampas diferentes da cozinha, para que haja uma separação visual clara entre os ambientes. As cortinas são outra opção elegante e funcional, que além de proporcionar privacidade, ajudam a criar uma barreira visual entre os espaços.

As plantas também podem ser utilizadas para delimitar os ambientes. Além de serem um elemento decorativo bonito e natural, elas ajudam a purificar o ar e melhoram a qualidade de vida das pessoas. Painéis de madeira ou de gesso também são uma boa opção para separar a cozinha da sala de estar ou jantar. Eles podem ser personalizados de acordo com o estilo da decoração e ainda podem ter uma função adicional, como armazenamento de objetos.

Aposte em diferentes níveis de piso para criar separações

Outra forma interessante de delimitar os espaços de uma cozinha integrada com sala é utilizando diferentes níveis de piso. Essa técnica é particularmente útil quando os espaços têm funções distintas, como cozinhar e jantar, por exemplo.

Para isso, basta criar uma pequena elevação no piso da cozinha, que pode ser feita com diferentes materiais, como madeira, cerâmica, pedra, etc. O objetivo é criar uma diferença de altura sutil entre os espaços, que ajuda a separá-los visualmente .

Além disso, os diferentes níveis de piso também podem ser usados ​​para dar mais destaque a um determinado espaço. Por exemplo, se a cozinha for o ponto focal da casa, você pode optar por um piso mais elevado na cozinha, o que ajuda a criar uma sensação de estar ao abrigo e tolerada.

Utilize móveis multifuncionais para otimizar o espaço

Uma das principais vantagens de ter uma cozinha integrada com a sala é a otimização do espaço. No entanto, é preciso escolher bem os móveis para que eles vivam e ocupem o menor espaço possível.

Categoria do post:
Dicas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *